Na Muda tem um cantinho para livros infantis chamado Biblioteca do Vovô Norberto, em homenagem ao avô do ator Mateus Solano. Norberto Schenker trouxe da Polônia para a família que formou no Brasil o gosto de apreciar a natureza. Seu olhar apaixonado pelo meio ambiente era tão profundo que ainda hoje é um legado transmitido a seus bisnetos.

Nascido em 1913, Norberto Schenker chegou ao Brasil em 1940 para escapar do antissemitismo durante a II Guerra Mundial. Formado em Direito em Cracóvia, aqui, entre tantas atividades, dedicou-se sobretudo à educação judaica, tornando-se um dos primeiros dirigentes do Colégio Israelita Brasileiro A. Liessin, no Rio de Janeiro. 

No campo do ensino, o caminho de Norberto foi mais longo do que as trilhas que costumava fazer constantemente na Serra dos Órgãos, em Teresópolis, até a Pedra do Sino. Humanista por excelência, defensor da natureza e da educação, nada mais justo do que dar o seu nome à nossa pequena biblioteca, destinada a despertar nas crianças a consciência sobre a preservação do nosso planeta

Norberto Schenker nos deixou em 1986. Mas seu pensamento sobre o meio ambiente é uma lição que precisa ser cada vez mais aprendida..